Ciclofemini
Ciclofemini
Ciclofemini

Procrastination_3a70f1_4004576Muitas pessoas nos escrevem solicitando informações a respeito das aulas para aprender a pedalar. Algumas detalham o medo e pavor que sentem, outras relatam a dificuldade com a distância, outras pela grande falta de tempo e que, por conta disto, nunca conseguiram aprender a pedalar.

Depois do primeiro e-mail ou telefonema, muitas pessoas não voltam a nos contatar. Faço contato posterior e aquelas que retornam formulam justificativas reticentes para não ter iniciado as aulas.

Cada caso é um caso, mas percebo que em alguns deles o maior dificultador da decisão em aprender a pedalar é a procrastinação.

Cá entre nós: você precisa de um “coacher” ou treinador para lhe dizer que a procrastinação desempenha o papel de sabotador na sua vida? Ou, você já sabe disso?

Você é rápido para começar as coisas, mas tão rápido quanto em abandoná-las?

Não se admire.A grande maioria das pessoas que procrastinam tem medo de falhar. Acredite ou não, algumas têm medo do sucesso!

Eles criam desculpas, criam situações falsas ou mentiras como: “Eu nunca serei bem sucedido”. “Estou fazendo por hobby, por brincadeira, não tenho as habilidades, experiência ou credenciais necessárias.”

Esse tipo de pensamento o mantém preso, mantém seu sentimento sufocado, e o mantém em luta constante para alcançar seu potencial, seus objetivos. Até perceber o que realmente está acontecendo, o tempo já passou.  Já se foram muitos dias, semanas, meses ou anos de sua vida.

As pessoas que adiam as tarefas, as atividades, a realização dos sonhos, enrolam e arrastam as decisões até os pés, raramente reconhecem que elas também são perfeccionistas.

Seu maior medo é de mostrar uma possível vulnerabilidade aos outros.

É por isso que elas lutam contra elas mesmas para atingir o seu potencial e se sentem presos, amarrados ao medo de dar o próximo passo.

Vamos destravar este nó? Segue cinco sugestões:

1-      Queime o boletim escolar. Pare de medir o seu sucesso e realizações comparando-os com os outros.

2-      Dê-se permissão para falhar. Você vai ganhar inestimável conhecimento tácito. O conhecimento tácito é inteligência intransferível.

3-      Alavanque seus pontos fortes e seus valores. Use suas habilidades inatas para criar a vida que você sonha.

4-      Compreenda e satisfaça as suas necessidades. Defina metas e objetivos que são significativos, gratificantes e passíveis de serem realizados.

5-      Defina uma rotina. Vai ser mais fácil gerir o seu tempo de forma mais eficaz para concluir tarefas e atingir seu potencial.