O Ditado popular “Cachorro velho não aprende truque novo” É MITO!

Quem disse que você é velho demais para aprender a pedalar?

A grande maioria das pessoas acreditam que um adulto tem maior dificuldade para aprender do que uma criança e, quanto mais velho mais dificuldade terá.

Depois de ensinar mais de 8mil pessoas, acreditamos que o aprendizado pode se dar em qualquer fase da vida. Ou seja, qualquer pessoa  adulta é capaz de aprender a pilotar uma bicicleta.

Sabemos que o aprendizado do adulto se dá de forma diferente ao aprendizado de uma criança, pois o adulto trás diferentes tipos de expectativas, necessidades, desafios, traumas e crenças.

Mas como é possível um adulto aprender a pedalar tão facilmente como uma criança?

Simplesmente porque os adultos aprendem conteúdos bem mais elaborados.

Os adultos no processo de aprendizado se envolvem com uma responsabilidade bem maior a de uma criança.

O cérebro adora aprender – na verdade, esse é o trabalho dele!

Desde os primeiros sinais sensoriais experimentados por criança até todas as mudanças, adaptações e crescimento que vivemos na vida adulta, nosso cérebro está mudando, reestruturando e aprendendo.

A cada dia você dormirá com um cérebro que mudou de acordo com os aprendizados deste dia e quando acordar no dia seguinte, com os novos aprendizados consolidados, estará pronto para aprender mais.

O adulto aprende muito mais facilmente e rapidamente se aquilo que está disposto a aprender vai lhe gerar algum valor, se tem um objetivo específico, se está motivado a aprender, se o seu instrutor ou alguma pessoa o inspirou a aprender.

Portanto, se você deseja aprender a pedalar, não importa a sua idade, deixe a vergonha de lado e faça como o Paulo Rogério Pereira, que já colocou a bicicleta em movimento na primeira hora aula.

Depoimento de Paulo após participar da primeira aula.

Leia também:

Não sei pedalar, que vergonha! – por Claudia Franco

Mercadores de medo e frustrações – por Claudia Franco

Medo de Pedalar, Medo de Dirigir, Medo de Nadar – por Claudia Franco

Andar de Bicicleta Sem Medo – por Claudia Franco

Perfeccionismo? Medo de errar? Autodepreciação? – por Claudia Franco

Medo de andar de Bicicleta – por Claudia Franco

 

 

Comentários(0)

    Deixe um comentário